loading...

LUIZA

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Bancos cortaram 5 mil empregos em 2014

O setor bancário é o mais rico da economia brasileira e também o mais injusto. Apesar de ampliarem os lucros ano após ano, de janeiro a setembro de 2014 colocaram nos cofres R$ 44 bilhões, as organizações financeiras enxugam cada vez mais o quadro de funcionários.
No ano passado, foram cortados 5 mil postos de trabalho. Já o Brasil gerou quase 400 mil empregos formais. O resultado do setor bancário só não foi mais desastroso porque a Caixa contratou 2.600 empregados.
Os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego), revelam ainda que o saldo negativo foi 16% maior do que o registrado em 2013, quando as organizações financeiras extinguiram 4.329 vagas.
O relatório mostra que os admitidos ganham menos do que os desligados. A média salarial dos novos bancários é de R$ 3.374,00, valor correspondente a 63,2% da remuneração dos demitidos, de R$ 5.338,12.
Na economia geral, o salário de admissão teve aumento real de 0,92%, se levado em consideração os valores médios e o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), apurado pelo IBGE. (Seeb-Ba)

Nenhum comentário:

Postar um comentário