loading...

LUIZA

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

CANAVIEIRAS - Obras da sede do Creas em fase de conclusão

Está em fase de conclusão e logo será entregue à população a nova sede do Centro de Referência Especializada em Assistência Social (Creas), construído no antigo Centro de Abastecimento, localizado na avenida Osmário Batista, no bairro São Sebastião. Implantado numa área de 450 metros quadrados, com 216,60 m2 de área construída, o local terá salas de recepção, atendimento familiar, atendimento individual, multiúso, coordenação administrativa, copa,
área de serviço, sanitários masculino e feminino (inclusive para o uso de pessoas com necessidades especiais), espaço coberto externo e jardim.
Na mesma área do novo Creas, o prefeito Almir Melo construirá a “Cidade do Bem-estar Social”, reunindo todos os serviços prestados pela Secretaria da Assistência Social, com suas divisões, num só lugar. Explica o prefeito, que é fundamental que os serviços oferecidos no Creas sejam desenvolvidos de forma articulada com a rede de serviços de assistência social, órgãos de defesa de direitos e das demais políticas públicas. Além da contrapartida do Município, a obra recebeu recursos do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Segundo o prefeito Almir Melo, um dos mais graves problemas do Brasil é a situação de vulnerabilidade juvenil, o que não é diferente em Canavieiras, onde se constata um elevado número de crianças e adolescentes vitimados, em situação de risco pessoal, familiar ou social.
De acordo com estudos, as situações reais foram detectadas no Programa de Efetivação de Medidas Socioeducativas, onde se verificam os casos de adolescentes em cometimento de atos infracionais. Pelos dados apresentado no diagnóstico, o município tem passado por problemas de estruturações sociais de relevância, fugindo seriamente dos propósitos ideais elencados nos códigos de direitos da criança e adolescente e também nos propósitos éticos desejados para estes cidadãos do futuro.
Em vista da situação, o Município tem se sentido responsável por esta situação de fragilidade social em que se encontra e destaca a necessidade de ampliar a execução de programas de atendimento a crianças e adolescentes em situação de risco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário