loading...

LUIZA

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Contrariando pessimistas, ações da Petrobras acumulam alta de 30%

Nesta segunda-feira (13), a Petrobras volta a ser destaque e alavanca o Ibovespa. Para surpresa dos pessimistas, as ações da companhia lideram os ganhos do índice com folga. De acordo com informações do Blog Fatos e Dados, a estatal brasileira alcança 30% de alta no mês, mesmo sob a linha de fogo do consórcio golpista (direita conservadora, mídia burguesa e sistema financeiro).
Foto Montagem
  
As ações ordinárias (com direito a voto) da Petrobras fecharam em alta de 4,99%, a R$ 12,42, enquanto as preferenciais (as mais negociadas, com prioridade na distribuição de dividendos) avançavam 3,81%, para R$ 12,27, na maior cotação de fechamento desde meados de dezembro do ano passado.

No entanto, a estatal desacelerou nos ganhos após disparar 7% com notícia publicada pelo serviço Broadcast da Agência Estado, infomando que a Petrobras pretende vender a participação que detém na petroquímica Braskem, empresa controlada pela petroleira em conjunto com a Odebrecht.

Empiricus e o fim dos tempos

Os consecutivos dados positivos da Petrobras derrubam de vez os recentes argumentos difundidos pela consultoria Empiricus. Para quem não lembra, ela foi responsável por materias difundidos nos diferentes meios e espaços, durante a campanha eleitoral de 2014, que previam "10 anos de recessão" no Brasil e o sucateamento da Petrobras.

Vale cresce para baixo

Na linha contrária, o lado negativo ficou com a Vale. Os dados ruins da balança comercial chinesa afetaram o desempenho das ações da mineradora. Além disso, a agência de classificação de risco S&P colocou a nota da Vale em perspectiva negativa. As ações preferenciais da mineradora brasileira caíram 1,56% e as ordinárias tiveram desvalorização de 0,98%.

Da Redação do Vermelho
Joanne Mota, com informações do O Globo e do Portal Infomoney

Nenhum comentário:

Postar um comentário