loading...

LUIZA

segunda-feira, 13 de julho de 2015

ITABUNA - Conferência Municipal de Saúde se encerra com eleição de delegados

Com a eleição de 16 delegados à Conferência Estadual de Saúde, sendo oito representando o segmento usuários, quatro os trabalhadores e quatro os gestores se encerrou na tarde desta sexta-feira, no auditório da FTC, a 6ª Conferência Municipal de Saúde de Itabuna. Durante dois dias cerca de 500 pessoas debateram questões do setor sob eixos temáticos: acesso, equidade e integralidade para cuidar bem das pessoas; financiamento público e relação público/privado; a participação social e a representatividade do controle social no controle social no SUS; e gestão do trabalho e da educação na saúde.
O secretário municipal da Saúde, Eric Ettinger, disse que a Conferência teve importante significação no momento em que os serviços de saúde estão sendo recuperados, com recursos e investimentos direcionados à atenção básica e à média e alta complexidades pela Prefeitura em parceria com o Ministério da Saúde e a Secretaria de Saúde da Bahia. “A democracia imperou nos dois dias do evento que transcorreu de forma satisfatória, com muita participação. A principal queixa se deu em relação ao baixo financiamento do Sistema Único de Saúde”, afirmou.
Já o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Josivaldo Gonçalves, destaca que a Conferência superou todas as expectativas, já que teve expressiva participação, principalmente de usuários e trabalhadores em saúde. “O evento coroou todo o esforço que fizemos com a mobilização para as pré-conferências. Ao final escolhemos no voto os delegados à instância estadual e também aprovamos as propostas destinadas à melhoria das condições de saúde da população”.
A 6ª Conferência Municipal de Saúde de Itabuna sob o tema central de discussão “Saúde Pública de Qualidade para Cuidar Bem das Pessoas: Direito do Povo Brasileiro” teve início na manhã de quinta-feira. Foram palestrantes Antônio José Costa Cardoso, que abordou o tema “Direito à Saúde, Garantia de Acesso e Valorização do Trabalho e da Educação em Saúde”, Joilda Rua Cardoso, no eixo temático da Participação Social, e o secretário de Tecnologia e Planejamento, Wenceslau Júnior que falou de reformas democráticas e populares do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário