loading...

LUIZA

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Aécio diz que oposição do "quanto pior, melhor" não pode ser criticada


Enquanto a oposição manobra em direção ao golpismo contra o mandato legítimo da presidenta Dilma Rousseff, o candidato derrotado nas urnas e presidente nacional do PSDB, o senador Aécio Neves, diz que a presidenta “erra ao atacar as oposições”.

  
Aécio faz jogo de cena para tentar se passar por vítima da crise que ele estimula. O fato é que a política do quanto pior, melhor, liderada pela oposição, foi desmascarada e tem sido rechaçada por diversos setores.

"No momento em que a presidente da República deveria demonstrar humildade e pedir apoio ao país para minimizar os danos do seu desastroso governo, ela não consegue convencer a sua própria base e ataca as oposições. Nos chama de pessimistas de plantão", afirmou o tucano.

Diferentemente da bravata de Aécio, a presidenta tem feito um chamado à união e ao diálogo desde a sua vitória nas eleições em 2014. Nesta quarta-feira (16), por exemplo, Dilma voltou a defender a união para o país sair da crise, mas rebateu o golpismo da oposição, que tenta emplacar a todo custo, inclusive sem base jurídica, um pedido de impeachment.
“Esse método que é querer utilizar a crise como um mecanismo para chegar ao poder é uma versão moderna do golpe”, afirmou Dilma.
Sobre as medidas propostas para reequilibrar as contas, Aécio disse que o governo deveria ter conversado antes de apresentá-las e disse também que “não é aceitável” o aumento do imposto de renda sobre ganho de capital. Apesar disso, o senador ressaltou que o PSDB ainda está avaliando as medidas anunciadas pelo governo.

Do Portal Vermelho, com informações de agências

Nenhum comentário:

Postar um comentário