loading...

LUIZA

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Esse alagoano passou em 13 concursos públicos e no exame da OAB. Saiba como ele fez



Histórias de pessoas bem sucedidas muitas vezes parecem resultado de mágica, porém a realidade é que o que mais proporciona alcançar grandes objetivos é lutar em busca da superação de adversidades. Quem está insatisfeito com sua situação profissional, mas não faz nada para mudar a realidade, deve conhecer a história de Marcial Coêlho, um alagoano que atualmente ocupa o cargo de Procurador da República, após acumular 13 aprovações em concursos públicos.

Quando ele ainda era estudante da Universidade Federal de Alagoas, no ano de 2002, Marcial decidiu que queria buscar a carreira de servidor público, porém não tinha nenhuma qualificação para tentar os cargos que sonhava. Assim, ele iniciou a tentativa de aprovação em concursos de nível médio. Ele foi aprovado para agente administrativo do Instituto Zumbi dos Palmares (sistema de comunicação estatal) e para cargos de técnico no TRT, no TRE, no MPU e na Justiça Federal.

Com os excelentes resultados obtidos, ele já passou a ter maior confiança com a estabilidade garantida e a possibilidade de tentar alcançar cargos mais elevados. Mesmo sem estar formado na faculdade, ele começou a disputar cargos que exigiam nível superior. E o sucesso foi ainda maior: ele foi aprovado para os cargos de agente administrativo da Polícia Federal, advogado da Caixa Econômica e analista do TRE, do MPU e da Justiça Federal. Por não ser formado, teve que adiantar a colação de grau, para logo em seguida passar no Exame da Ordem dos Advogados.

Marcial já poderia se considerar satisfeito, mas mesmo assim decidiu alçar vôos ainda mais altos: passando, em 2008, no concurso para juiz substituto do Tribunal de Justiça de Alagoas e para procurador da República, do Ministério Público Federal, cargo que ocupa e que finalmente se sentiu realizado, após seis anos de muito empenho.

Vamos para o que você quer mesmo saber: o segredo para garantir tantas aprovações. Ele aponta que estudo, disciplina e foco são fundamentais. “Não há uma fórmula mágica. O caminho para ser aprovado em concursos é mirar um alvo e correr atrás dele. Ter um objetivo claro e pensar na melhor estratégia. Estudar e buscar os melhores livros é fundamental, mas é importante ter tempo para o lazer e para a prática de uma atividade física. É necessário distribuir o tempo livre”, explica.

Para Marcial, um dos maiores problemas enfrentados pelos concurseiros atualmente é a necessidade de resultados rápidos. De acordo com ele, para garantir a aprovação em um bom concurso, é necessário estar preparado. “Os candidatos são como atletas. Para que eles tenham um bom desempenho e consigam chegar no topo, é necessária uma boa preparação. E esse processo, muitas vezes, é lento e exige disciplina”.

Essa história de sucesso de Marcial mostra que é possível superar obstáculos para alcançar grandes objetivos, basta definirmos uma meta e a melhor estratégia para alcançá-la. Para te ajudar recomendo que você leia este livro de técnicas e estratégias para concursos do Ex-Defensor Público Gerson Aragão. Você pode baixar o livro gratuitamente clicando aqui.



Marcus Wagner

Jornalista

Comunicólogo e Jornalista, com especialização em Mídias Digitais e Assessoria de Comunicação, tendo sólida experiência atuando como repórter e redator de TV, jornal e portais de notícias. Sou um "concurseiro", sempre em busca de novidades que possam complementar a preparação para os processos seleti..

Nenhum comentário:

Postar um comentário