loading...

LUIZA

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Policiais de UPPs do Rio serão treinados para abordar usuários de álcool e outras drogas

ARN - Policiais militares que atuam em Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) do Rio serão capacitados para orientar a comunidade sobre como procurar ajuda nos serviços destinados a usuários de álcool e outras drogas.
Nesta quarta-feira (21), 40 comandantes participam da primeira Oficina Integrada de Segurança Pública e Rede de Prevenção, Atenção e Políticas Públicas sobre Álcool e Drogas. O curso é resultado da parceria entre a Secretaria de Prevenção à Dependência Química e a Secretaria de Segurança. A capacitação acontece na Biblioteca Parque de Manguinhos, das 8h às 18h.
Inicialmente, a ação contempla 400 policiais de áreas pacificadas de todo o Estado do Rio, entre outubro de 2015 e agosto de 2016. Ao final, a previsão é de que 10 oficiais de cada UPP estejam capacitados. O curso vai abordar questões como o funcionamento e os efeitos das drogas no organismo, além da diferença entre o uso, o abuso e a dependência química. Os policiais também serão instruídos sobre como encaminhar usuários de substâncias psicoativas para a rede de atendimento mais próxima.
- Outro objetivo da capacitação é aperfeiçoar a abordagem dos policiais aos usuários de drogas na comunidade. Em alguns casos, encaminhar para um tratamento é o melhor caminho para o indivíduo e para a sociedade. A Secretaria de Prevenção à Dependência Química tem como missão garantir a implantação de uma política pública eficaz voltada para os usuários de álcool e outras drogas. Nossa rede complementar de atendimento conta hoje com 514 para o público adulto e 440 vagas para crianças e adolescentesexplica o secretário de Prevenção à Dependência Química, Filipe Pereira.
Na cerimônia de abertura haverá a assinatura do acordo de cooperação entre a Secretaria de Segurança e Secretaria de Prevenção à Dependência Química. O evento acontece na Biblioteca Parque de Manguinhos, localizada na Av. Dom Hélder Câmara, 1.184 Benfica, Rio de Janeiro (atrás do Colégio Estadual Compositor Luiz Carlos da Vila) às 9h.
- O acordo firmado entre as duas secretarias mostra que podemos ter boas iniciativas para melhorar a orientação à comunidade sobre o acesso a esses serviços. Além disso, a Secretaria de Prevenção à Dependência Química irá disponibilizar materiais personalizados de acordo com a localização de cada UPP para que o policial saiba quais os serviços oferecidos pela rede de atenção - disse Leriana Figueiredo, superintendente de Prevenção da Subsecretaria de Educação, Valorização e Prevenção da Secretaria de Segurança.
MS

Nenhum comentário:

Postar um comentário