loading...

LUIZA

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

MOINHO DE ILHÉUS DESPERTA INTERESSE DE EMPRESAS E DEVE GERAR 500 EMPREGOS DIRETOS

Instalado em uma área de 11 mil metros quadrados, o Moinho de Ilhéus tem capacidade para processar até 390 toneladas de trigo diariamente e gerar 500 empregos. Esse potencial já despertou o interesse de empresas em explorar as instalações, como afirmou o presidente da Companhia das Docas, José Rebouças, durante ato de lançamento do edital de licitação para arrendamento daquele espaço, realizado nesta quarta-feira, 25, com a presença do prefeito Jabes Ribeiro, no Palácio Paranaguá, sede da administração municipal.
De acordo com o edital, os envelopes com as propostas das empresas serão abertos no dia 12 de janeiro de 2016. Entre a estrutura a ser arrendada, estão seis silos para armazenamento do trigo que, após processado, servirá à indústria alimentícia, principalmente à panificação, fabricação de massas e biscoitos. Após o resultado, estima-se que em trinta dias o equipamento comece a operar.
Esforço - A reativação do moinho foi tratada, em 2013, pelo prefeito Jabes Ribeiro e o vice, Cacá, em visita a Brasília, quando o baiano César Borges era ministro da Secretaria Especial dos Portos. Na época, Borges autorizou a Codeba a iniciar gestões em conjunto com a Prefeitura de Ilhéus, no sentido de reativar o equipamento. Recentemente, o atual ministro, Edinho Araújo, autorizou a elaboração do edital para o arrendamento, agora oficialmente lançado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário