loading...

LUIZA

sábado, 21 de novembro de 2015

Prefeito de Itabuna empossa novos diretores da Secretária da Saúde

Os novos diretores de departamentos da Secretaria Municipal de Saúde foram empossados na manhã de hoje pelo prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, que, acompanhado do secretário Paulo Bicalho, os recebeu em audiência no Centro Administrativo Firmino Alves. As mudanças fazem parte do cronograma de ações anunciadas na gestão de Bicalho para garantir um planejamento ordenado para todo o ano de 2016.
O novo secretário deseja ampliar a descentralização das ações da atenção básica, com a implantação de um modelo administrativo, que dá autonomia e mais dinamismo aos serviços oferecidos à população pelas unidades básicas de saúde e de saúde da família, além de uma atenção especial aos serviços da média e alta complexidade.
Vane disse que a mudança mostra a autonomia dada aos secretários para que realizem um trabalho de excelência na administração pública. “Acho que para se realizar uma boa gestão tem que se compreender a necessidade, desde que a mudança seja justificada”, completou.O prefeito voltou a destacar o trabalho desenvolvido pelo ex-secretário doutor Eric Ettinger que cumpriu o seu papel e trouxe mudanças positivas para a Secretaria Municipal de Saúde. “Agora doutor Paulo Bicalho chega para complementar e trazer a sua contribuição com total apoio e autonomia para isso”, explicou Vane.
Foram indicados os seguintes diretores: Diretoria Financeira, Charles Ferreira de Souza; Diretora da Regulação, Controle e Avaliação, Rosângela Vieira Lessa Bezerra; Diretora do Núcleo de Planejamento, Luciana Rodrigues Pinheiro. Para a diretoria do Departamento da Atenção Básica o secretário de Saúde indicou a enfermeira Micheli Andrade.
Já a média complexidade ficará a cargo do diretor Adriano Gonçalves Sousa, que trabalhará nas mudanças que comprometem o realinhamento dos contratos de prestação serviço de hospitais, clínicas e prestadores de serviço, analisando oferta e custos dos procedimentos.
“A equipe foi pensada para integrar e agilizar o andamento dos setores que possuem demanda intensa. Não posso dizer que vamos sanar todas as dificuldades, mas iremos buscar junto aos órgãos competentes o que for necessário para a boa prestação de serviços de saúde à população”, explicou o médico Paulo Bicalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário