loading...

LUIZA

sábado, 9 de janeiro de 2016

BANCO DO BRASIL: CONCURSO PARA ESCRITURÁRIO EXIGIRÁ APENAS ENSINO MÉDIO E SALÁRIO DE R$3.613,58

Um dos concursos previstos e mais aguardados para 2016 é o de escriturário do Banco do Brasil (BB) no Rio de Janeiro, Amazonas, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A seleção teve mais um “empurrão”, quando o Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Dest), vinculado ao Ministério do Planejamento, publicou uma portaria delimitando o efetivo do BB, o que pode significar uma “autorização” para a abertura do concurso.
O cargo exige o nível médio e tem remuneração de R$3.280, rendimento que em agosto passará para R$3.613,58, após o acordo para dar fim à greve dos bancários, no ano passado. Os funcionários do banco possuem ainda uma série de benefícios, que tornam a seleção muito atrativa. Há direito a participação nos lucros ou resultados, vale-transporte, auxílio-creche, auxílio a filho com deficiência, plano odontológico, assistência médica (planos de saúde), previdência privada e participação no Programa de Qualidade de Vida no Trabalho. O banco oferece também a Universidade Corporativa (UniBB), reconhecida como a melhor do mundo, com cursos de aperfeiçoamento.
A Fundação Cesgranrio será a organizadora dessa seleção, e submeterá os candidatos a 70 questões objetivas e redação, mesma estrutura dos concursos abertos em 2015, para 15 estados e o Nordeste. A objetiva versará sobre Atualidades do Mercado Financeiro, Língua Portuguesa e Raciocínio Lógico-Matemático, Cultura Organizacional, Domínio Produtivo da Informática, Inglês, Atendimento, Técnicas de Vendas e Conhecimentos Bancários. Seguindo a estrutura dos últimos concursos, será aprovado quem conseguir pelo menos 45% dos pontos na prova de Conhecimentos Básicos, 55% na de Conhecimentos Específicos e 55% na soma das duas, sendo que o candidato não pode zerar nenhuma disciplina. Na redação, estará apto quem conseguir, no mínimo, 65 pontos.
Preparativos – O concurso será o primeiro do Rio com vagas imediatas, após o acordo com o Ministério Público do Trabalho no Distrito Federal (MPT-DF). Ele estava previsto para o ano passado, mas foi adiado após o anúncio do ajuste fiscal por parte do Governo Federal. O BB optou, inicialmente, por seguir a política do Poder Executivo, mas, recentemente, informou que seguirá com sua política de concursos. A empresa possui orçamento próprio e autonomia administrativa, o que faz ser possível a abertura da seleção em 2016, ainda mais pelo fato de não haver um concurso em validade para esses estados e muitos funcionários terem se aposentado nos últimos meses.
Somente em 2015, segundo o Sindicato dos Bancários, houve mais de 5 mil aposentadorias (cerca de 400 no Rio), com o Plano de Aposentadoria Incentivada (PAI). É possível que esse edital tenha vagas também para Alagoas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais (Belo Horizonte), Pará, São Paulo e Tocantins. Isso porque o prazo de validade do concurso anterior para esses estados expira em 8 de maio. O regime de contratação é o celetista.
Mestre do Concursos

Nenhum comentário:

Postar um comentário