loading...

LUIZA

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Isabelly Andrade é terceira colocada geral na travessia Mar Grande x Salvador 2016

ISABELLYYY


Além do pódio entre as adultas, atleta itabunense de 17 anos foi a campeã na sua categoria.
Aconteceu no último domingo (10), na Baía de Todos os Santos, a 52ª travessia Mar Grande x Salvador. Uma das mais tradicionais provas de maratona aquática do país, se torna mais competitiva e equilibrada a cada ano. Disputando sua terceira travessia, a jovem atleta itabunense Isabelly Mendes Andrade conquistou um resultado excelente. Foi a terceira colocada no quadro geral entre as mulheres, com o tempo de 2 horas e 03 minutos. Além de conquistar o terceiro melhor tempo entre todas as competidoras, Isabelly sagrou-se mais uma vez campeã na sua categoria.                                                                                                         
Nas redes sociais a atleta manifestou sua felicidade. “Agradeço muito a Deus por estar me dando forças para completar esse desafio, por não me deixar desistir! A Ele toda honra e toda glória! Agradeço também aos meus pais e familiares que estiveram me apoiando no período de treinamento, compreendendo e incentivando a treinar durante as “férias”! Agradeço ao meu treinador “Tio Luis” que esteve comigo durante todos esses anos e especialmente no período de treino intensivo para essa competição, me apoiando, incentivando e me preparando para que esse resultado fosse possivel. Lucas e Anderson que me auxiliaram no treinamento físico, cedendo o local para que eu me preparasse durante todo o ano. A equipe de guias que auxiliaram não só a mim, mas também meus colegas de treino para que fosse possível completar essa prova. Não poderia deixar de agradecer aos meus patrocinadores que me apoiaram para que eu participasse de todas as viagens: Buriti/Faz Atleta, Fennab/AABB, Colegio Batista de Itabuna, Ortoclin, ACE, CISO e a Prefeitura de Itabuna. A todos que estiveram orando o meu muito obrigada, essa vitória não é só minha. Agora focar na temporada de 2016”.                                                                    No masculino, Allan do Carmo foi o grande campeão da 52ª edição da Travessia Mar Grande/Salvador. O baiano, já classificado para as Olimpíadas do Rio, completou a prova com 1h36min, garantindo o hexacampeonato.

“É um prazer ter essa vitória, ainda mais em casa, com toda a torcida. Estou muito orgulhoso”, comemorou o atleta. Em segundo lugar, ficou Luis Rogério Arapiraca, com o tempo de 1h38min. Renan Barbosa chegou em terceiro, com 1h49min. Completaram o pódio feminino com Isabelly a vencedora Márcia Santos e Suelly Siqueira, segunda colocada Márcia já havia ficado em segundo lugar na competição duas vezes, atrás de Ana Marcela Cunha, que não participou nesse ano. Márcia passou mal na chegada, tendo que ser carregada na praia.Minutos depois, se recuperou e comemorou a conquista.

Susto

Um navio cargueiro cruzou a área de competição da travessia. A equipe de apoio do nadador Claudio Britto, 37 anos, medalha de ouro na categoria Master C e sétimo colocado na classificação geral, registrou o momento em que a embarcação cruzou o percurso dos atletas.                                                                 “Todo ano um navio cruza a área de competição. Passaram dois e o segundo passou bem próximo dos competidores que brigavam pelo terceiro lugar”, relatou Britto. O atleta disse ainda que ao perceber a chegada do navio precisou mudar o sentido que estava nadando para não ser atingido, mas ainda assim ficou a poucos metros das hélices da embarcação”, relatou o atleta.                                                              “Fiquei a poucos metros do barco. Por pouco não fui atingido. Além de por a minha vida em risco, isso fez com que a minha prova fosse bastante prejudicada, pois durante alguns minutos não pude nadar, apenas tentar desviar da embarcação e isso me desequilibrou e me fez engolir água. Estava fazendo uma prova espetacular e fui derrotado por um navio”, completou Britto.                                                                       

Jornal AGORA

Nenhum comentário:

Postar um comentário