loading...

LUIZA

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

PRF: Federação cobrará autorização de concurso este ano

Embora considere que será uma missão difícil a conquista da autorização do concurso, tendo em vistas o cenário de corte de gastos em que se encontra o governo, Cavalcanti ressaltou a necessidade da seleção. Ele classificou como crítica a situação do quadro atual do departamento. “A cada vez tem menos policiais fiscalizando as rodovias e a cada vez novas rodovias vão sendo incorporadas para serem fiscalizadas pelo departamento”, ressaltou.
De acordo com dados do Planejamento de agosto do ano passado, a PRF conta com 10.283 policiais em um quadro que permite até 13.098. Cavalcanti observou que o tamanho do efetivo é igual ao de 20, 25 anos atrás, ao passo em que a frota de veículos aumentou nesse período. A situação deve piorar drasticamente caso um novo concurso não seja realizado em breve, já que o órgão pode perder 4 mil policiais em dois anos, em razão de aposentadorias. “É bastante provável que essas aposentadorias se consolidem. Como o trabalho dentro do departamento está difícil por conta da sobrecarga, os colegas que adquirem condições de se aposentar se sentem destimulados a permanecer na ativa”, observou Cavalcanti.
Sobre a solicitação de 44 vagas para a área de apoio, o presidente da FenaPRF avaliou como insuficiente para atender a necessidade existente. “A gente vem cobrando a criação de um novo quadro de servidores administrativos. Não tem psicólogo para atender os policiais”, exemplificou. No pedido do concurso, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, destaca que a nova seleção é a única saída para a crise de efetivo vivida pelo órgão. O Tribunal de Contas da União (TCU) também já destacou a falta de pessoal nas fronteiras, onde são os concursados do departamento são inicialmente lotados.
Requisitos e remunerações – Para ingressar no cargo de policial é necessário possuir formação superior em qualquer área e carteira de habilitação, na categoria B ou superior. A remuneração inicial da carreira é de R$7.177,91, incluindo o auxílioalimenteção, que este mês subiu de R$373 para R$458. No caso da área de apoio, o pedido foi para 19 vagas de administrador, 17 de engenheiro, cinco de estatístico e três de técnico em Comunicação Social. Para esses, os iniciais são de R$5.027,72.
Mestre dos concursos

Nenhum comentário:

Postar um comentário