loading...

LUIZA

terça-feira, 21 de junho de 2016

Prefeitura de Itabuna não paga aluguel da UFSB com recursos do Fundeb


Não é verdade que recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) tenham sido usados pela Prefeitura de Itabuna para pagar alugueis do imóvel que abriga o campus Jorge Amado, em Ferradas, da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). A suposta denúncia, além de evidenciar desinformação de um dos candidatos ao cargo de prefeito de Itabuna, durante debate numa emissora de rádio na manhã de sábado, dia 18, revela a fragilidade do seu discurso político.
Há um ano e meio, a Prefeitura mantém atualizado, em seu sítio na Internet, no Portal Transparência, a receita própria advinda do pagamento de tributos municipais e repasses constitucionais da União e do Estado decorrentes do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), dentre outros. A simples consulta ao referido Portal por qualquer cidadão assegura informações fidedignas quanto a custeio de serviços, incluindo alugueis de imóveis, dentre outras despesas da administração pública municipal.
A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação, nega também pagamento de transporte a unidades, cujos professores, técnicos e alunos tenham sido remanejados para outras escolas, por conta do reordenamento de escolares do setor urbano e do campo. No caso da Escola Venezuela, o serviço de transporte serve a três alunos que, morando em uma fazenda do mesmo nome, distrito de Itamaracá, são levados a uma escola em Nova Ferradas, aonde atualmente estudam. Além disto, o transporte tem servido para transportar os alunos que moram no Condomínio São José, na rodovia BR-415, e estudam em Ferradas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário