loading...

LUIZA

domingo, 5 de março de 2017

ENSINO A DISTÂNCIA DO SENAR GOIÁS ATINGE MAIS DE 20 MIL MATRÍCULAS EM DOIS ANOS


Temos a convicção de que estamos contribuindo para o crescimento da formação profissional no ambiente agropecuário do estado de Goiás - Antônio Carlos de Souza Lima Neto, superintendente do Senar Goiás.
Reconhecido pela qualidade do ensino que leva aos campos já há 23 anos, agora, usando as ferramentas da moderna tecnologia para incluir ainda mais seu público alvo, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Goiás (Senar Goiás) comemora um novo marco: mais de 20 mil matrículas em seu portal de ensino a distância, no curto período de junho de 2014 até este início de ano. “Sem dúvida nenhuma, temos a convicção de que estamos contribuindo para o crescimento da formação profissional no ambiente agropecuário do estado de Goiás, considerando principalmente a necessidade de qualificação e de um nível de profissionalismo cada vez maior no setor” – avalia o superintendente da instituição, Antônio Carlos de Souza Lima Neto. Se há pouco tempo, usar a internet para levar educação à zona rural poderia ser considerado um projeto arriscado, o placar do Senar Goiás não deixa dúvida de que a ousadia valeu a pena. “Enxergamos a possibilidade de trabalharmos com um público diferenciado, que muitas vezes não tem tempo ou disponibilidade de participar de uma ação de treinamento ou capacitação presencial. Então abrimos essa outra vertente, oferecendo cursos on-line em que o participante tem a flexibilidade de horário e pode organizar seu tempo de estudo para ter a oportunidade de se capacitar. E a gente tem a percepção de que a inclusão digital é crescente e, cada vez mais, a população rural tem acesso às ferramentas on-line”

Cursos com foco na demanda

Atualmente, o portal EaD Senar Goiás (http://www.ead.senargo.org.br) oferece um total de 25 cursos incluídos em programas que abordam quatro diferentes temas: Agricultura de Precisão, Jovem Empresário Rural, Minha Empresa Rural e Gestão de Riscos, esse último reunindo questões de segurança, saúde e meio ambiente no trabalho rural. Os conteúdos, segundo o superintendente, são definidos a partir de um diagnóstico da realidade. “Nós temos um comitê de avaliação técnica e por meio dele constatamos as demandas existentes no campo. A partir disso, nós estruturamos e formatamos os cursos de acordo com aquilo que nosso público realmente necessita”.
Exemplo disso é o Programa de Agricultura de Precisão (AP), que oferece sete cursos em que o participante tem acesso a conhecimentos sobre as mais novas tecnologias encontradas no mercado para aumentar a produtividade das lavouras, reduzir a aplicação de insumos e também os custos da propriedade. Como explica Antônio Carlos, os cursos foram criados porque havia uma necessidade especial de formação e capacitação de profissionais para usar, adequadamente, os instrumentos da AP. “Esses cursos trabalhados e desenvolvidos pelo Senar Goiás acabaram tornando-se uma excelência e hoje são procurados no Brasil todo, sendo reproduzido pelo Senar Nacional, porque realmente criamos um programa para uma demanda existente”.
Os cursos da EaD Senar Goiás são todos inteiramente gratuitos. Embora tenham foco na população rural, atraem um público diversificado, como produtores, trabalhadores rurais, estudantes de Ciências Agrárias ou mesmo pessoas que simplesmente se interessam pelos temas. O retorno desse público, conforme Antônio Carlos, costuma ser sempre favorável. “Temos uma plataforma desenvolvida com a participação de monitores e instrutores, com chats e fóruns de discussão que permitem contato permanente com os alunos. E temos também uma central de relacionamento, onde a gente acaba criando um vínculo com os participantes. Naturalmente, ao término dos cursos, aplicamos um processo de avaliação e os concluintes nos dão um retorno muito positivo de tudo o que foi trabalhado e de todos os conteúdos desenvolvidos”.
Mais informações: http://ead.senargo.org.br, 0800-642-0212
(DINO) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário