loading...

LUIZA

quarta-feira, 15 de março de 2017

Gripe aviária custará mais de 100 mil toneladas de exportação para União Europeia neste ano

A gripe aviária custará à União Europeia mais de 100 mil toneladas de exportação neste ano, levando o bloco a um segundo declínio anual em uma década, em um momento de produção recorde, disseram autoridades americanas.
Os escritórios do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) registraram que as exportações de carne de frango do bloco em 2017 serão de 11,7 milhões de toneladas, marcando as restrições impostas por importadores como a África do Sul e a Filipinas após a gripe aviária em vários países da União Europeia.
Esses países somariam uma importação de 105 mil toneladas. Logo, o USDA aponta um declínio de 8,9%, o maior em 16 anos, para as exportações de frango europeias.
O declínio vem em um momento de aumento na produção, que deverá ser de 120 mil toneladas. No entanto, devido aos custos de alimentação elevados e aos preços mais baixos de frangos de corte, o declínio poderá começar a ser visto em alguns locais como a Holanda neste ano, após fortes ganhos na Polônia e na Espanha.
Tradução: Izadora Pimenta
Fonte: Agrimoney

Nenhum comentário:

Postar um comentário